Home / Notícias / Pastor pede protagonista evangélica em novela global

Pastor pede protagonista evangélica em novela global

Silas Malafaia ensaia aproximação com a emissora carioca

Ainda em primeiro lugar, mas com a pior média de audiência dos últimos dez anos (14%), quando as pesquisas iniciaram, segundo o Ibope, a Rede Globo viu a Record, ligada à Igreja Universal estabilizar em segundo lugar. Para tentar combater a perda de telespectadores, a emissora carioca decidiu investir no público evangélico. A Folha de São Paulo deste domingo (6) mostra que o coordenador de projetos especiais da Globo, Amauri Soares, iniciou desde novembro um encontro com pastores das principais igrejas evangélicas do Brasil.

Nesta semana o encontro de Amauri almoçará com Silas Malafaia, líder religioso da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo. Até o final do mês, segundo a Folha, o encontro será com o bispo Róbson Rodovalho, da Igreja Sara Nossa Terra.

O primeiro contato da Globo com os evangélicos foi no Projac, no Rio de Janeiro. Os líderes religiosos acompanharam gravações dos programas da emissora.

A discussão entre a direção da Globo e os pastores e bispos é para a emissora realizar a cobertura da Marcha para Jesus, Dia do Evangélico e Dia da Bíblia. A contrapartida seria as igrejas apoiarem o Dia de Promessas, criado pela emissora em 2011 para divulgar a música gospel.

“Nos últimos cinco anos, a Globo se aproximou desse público porque tem lhe conferido não somente peso de formação de opinião, mas também de mercado consumidor”, explicou à Folha Karina Bellotti, doutora da Unicamp que estuda mídia e religião. A pesquisadora ressalta o crescimento da classe C, composta por muitos evangélicos como filão desejado pelas emissoras abertas.
“Se você for colocar qualquer coisa aí [na reportagem], põe que não há nenhum acordo para nos proteger”, ressalta o pastor Silas Malafaia. “Que cada pastor que pague a conta pela sua besteira.”
Rodovelho e Malafaia defendem uma personagem “boa moça” como protagosnista de uma novela global. Em 2012 a emissora emplacou duas coadjuvantes evangélicas: Ivone (Kika Kalache), de Cheias de Charme, e Dolores (Paula Burlamaqui), de Avenida Brasil.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

5 × 5 =