Home / Esportes / Copa do Brasil: Bahia vence Maranhão por 2 a 0 e evita confronto em Salvador
Tricolor está classificado à primeira fase

Copa do Brasil: Bahia vence Maranhão por 2 a 0 e evita confronto em Salvador

Sob os olhares de Joel Santana e no retorno de Souza, que jogou apenas 29 minutos, o Bahia não fez uma boa apresentação, mas conseguiu o suficiente para eliminar o Maranhão e garantir vaga na segunda fase da Copa do Brasil. O tricolor bateu o adversário por 2 a 0, fora de casa, e conseguiu evitar o jogo de volta em Salvador. Na próxima fase, o Esquadrão enfrenta o vencedor do confronto entre Luverdense (MT) e Tupi (MG). No primeiro duelo, o time mineiro venceu em Minas Gerais por 1 a 0.
Logo no início do primeiro tempo, o Bahia deu sinais de que entraria para golear o adversário. Aos nove minutos, Magal fez jogada individual, invadiu a área e tocou na saída de Flauberth para abrir o placar.

Porém, após o gol, o Tricolor não levou mais perigo ao gol do Maranhão. Para deixar o torcedor ainda mais preocupado, Souza, esperança de gols, reclamou de dores abdominais e foi substituído por Zé Roberto, aos 29 minutos.

Três minutos depois de entrado em campo, o atacante protagonizou o segundo lance de perigo do Tricolor. Após troca de passes com Obina, Zé arriscou o chute e o goleiro fez boa defesa.

Sem sinais de reação, o MAC ainda teve sua situação complicada aos 45. Francisco Júnior fez falta dura em Fahel, recebeu o segundo amarelo e foi expulso de campo.

Na volta para o segundo tempo, o Bahia, com um homem a mais, continuou com espaços para chegar ao segundo gol. Logo aos sete minutos, Zé Roberto recebeu livre na área, mas chutou desequilibrado e desperdiçou a chance.

Porém, dois minutos depois, Diones recebeu lançamento de Rosales na área, chutou travado na zaga e a bola encobriu Flauberth e foi para o fundo das redes. Foi o segundo gol tricolor

O primeiro chute a gol dos donos da casa na segunda etapa só veio aos 14 minutos. Raimundinho tentou arriscar de longe, mas Omar defendeu com tranquilidade.

Com o placar eu garantia o Tricolo na segunda fase, Barroca fez uma alteração à lá Joel Santana. Aos 23, o auxiliar tirou o único meia, Paulo Rosales, e colocou Toró, o quarto volante na equipe. Já aos 30, o assistente voltou a colocar um meia no time. Diones saiu para a entrada de Marquinhos.

Mas, três minutos depois, o Bahia errou saída de bola e a redonda sobrou para Tim Marcos na área. O atacante foi derrubado por Titi e o árbitro marcou pênalti. O zagueiro tricolor ainda foi expulso de campo.

O veterano Jackson foi para a cobrança e atrasou a bola para Omar, que defendeu com muita tranquilidade. O time maranhense perdeu a chance de levar a decisão para o jogo de volta, na Arena Fonte Nova. No último Minuto, MAC ainda balançou as redes com Tim Marcos, mas o árbitro marcou falta de ataque no lance. Informações Galáticos Online

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

vinte − quinze =