Home / Destaque / SineBahia de Cruz das Almas oferece duas oportunidades de emprego

SineBahia de Cruz das Almas oferece duas oportunidades de emprego

O SineBahia de Cruz das Almas informou ao Bahia Recôncavo nesta terça-feira (30) a oportunidade de duas vagas de emprego para o trabalhador que tenta recolocação no mercado de trabalho. São chances para vendedor externo e ajudante de depósito. Os candidatos devem procurar o posto de intermediação de mão de obra, localizado no Ponto Cidadão, na rua J. B da Fonseca, Centro. O local funciona de segunda a sexta-feira, das 07h às 13h. Os interessados precisam levar Carteira de Identidade, CPF e Carteira de Trabalho.

OPORTUNIDADES DE EMPREGO 

– 01 vaga para vendedor externo – EXIGÊNCIA: segundo grau completo e sexo masculino;

– 01 vaga para ajudante de depósito – EXIGÊNCIA: segundo grau completo, Carteira Nacional de Habilitação (CNH) AB, experiência comprovada na Carteira de Trabalho e sexo masculino.

9 Comentários

  1. boa noite gostaria de receber email sobre vagas de emprego em cruz das almas bahia

  2. bom dia parabens pelo site coloquem sempre as vagas do sine bahia para gente acompanhar as vagas do sine bahia vaaleu

  3. bom dia parabens pelo site coloquem sempre as vagas do sine bahia para gente acompanhar as vagas do sine bahia

  4. bom dia por favor mandem o sine bahia colocar vagas para defecientes em cruz das almas LEI Nº 8.213, DE 24 DE JULHO DE 1991, lei de contratação de Deficientes nas Empresas. Lei 8213/91, lei cotas para Deficientes e Pessoas com Deficiência

  5. Projeto reajusta multa de empresa que não contratar deficiente
    Valor arrecadado com as multas será destinado ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e aplicado, exclusivamente, na qualificação profissional de trabalhadores com deficiência.

    A Câmara analisa o Projeto de Lei 5059/13, da deputada Erika Kokay (PT-DF), que estabelece critérios e atualiza os valores das multas aplicadas contra empresas que não respeitarem a cota de pessoas com deficiência em seu quadro de funcionários.

    Arquivo/ Leonardo Prado

    Erika Kokay: valor atual das multas está defasado.
    Atualmente, a legislação (Lei 8.213/91) determina que a empresa com 100 ou mais empregados é obrigada a preencher de 2% a 5% dos seus cargos com beneficiários reabilitados ou pessoas com deficiência, habilitadas, na seguinte proporção:

    até 200 empregados, 2%;
    de 201 a 500, 3%;
    de 501 a 1 mil, 4%; e
    a partir de 1.001, 5%.
    Apesar de a lei não determinar uma cota para empresas com menos de 100 funcionários, a proposta da deputada inclui esse grupo entre as passíveis de penalidades se não contratarem pessoas com deficiência.

    O texto apresentado estabelece o seguinte escalonamento nas multas:

    R$ 6.084 a R$ 7.609 para empresas com até 99 empregados;
    R$ 7.610 a R$ 9.135 para aquelas com 100 a 200 empregados;
    R$ 9.136 a R$ 10.661 para empresas de 201 a 500 empregados;
    R$ 10.662 a R$ 12.187 para a que tiver entre 501 e 1 mil empregados; e
    R$ 12.188 a R$ 13.713 para empresas com mais 1 mil empregados.

    O valor efetivo da multa será obtido multiplicando-se o número total de empregados com deficiência que deixou de ser contratado ou o número de empregados dispensados de forma irregular pelo valor previsto para a faixa de enquadramento da empresa e não será maior que R$ 750 mil.

  6. gostaria de receber email sobre vagas de emprego em cruz das almas bahia

  7. katia trabalhou já como vendetoura e empregada domestica . 2 grau completo.

  8. Gostaria de receber proposta de trabanho pelo meu email,eu tenho 21 anos mais numca trabanhei ,gostarinha de trabanha em lojas .ja tomei curso de aterdimento ao publico.

  9. bom dia estou desempregada tem 8 meses tenho experiencia como vendedora ,estou em busca de novas oportunidades .

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

14 − 5 =