Home / Brasil / PSDB tenta convencer Bernardinho a concorrer ao governo do Rio de Janeiro

PSDB tenta convencer Bernardinho a concorrer ao governo do Rio de Janeiro

Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e Aécio Neves (PSDB) tetam convencer o treinador da seleção brasileira masculina de vôlei a ser o candidato do partido ao governo do Rio de Janeiro em 2014, afirma o site Brasil 247. O técnico campeão olímpico se filiou aos tucanos em julho.

O ex-presidente Fernando Henrique quer criar uma palanque forte para o candidato do partido ao Palácio do Planalto, Aécio Neves, no estado que tem o terceiro maior colégio eleitoral do país. Luciano Huck, Pedro Malan e Armínio Fraga já tinham desistido da função.

Nesta semana, o ex-presidente Lula (PT) interveio na executiva nacional do PT para eviatar que o partido, liderado no Rio de Janeiro pelo senador Lindbergh Farias (PT-RJ), desembacasse do Palácio Guanabara, atualmente comandado pelo peemedebista Sérgio Cabral, que amarga baixos índices de aprovação desde o início das manifestações populares que tomaram as ruas brasileiras entre os meses de junho e julho.

Sérgio Cabral tenta indicar à sua sucessão o vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), que aperece em quarto e quinto lugar nas consultas feitas pelos institutos de pesquisa. A corrida tem o ex-governador Anthony Garotinho (PR) à frente, seguido pelo petista Lindberg Farias. O ministro da Pesca e senador licenciado, Marcelo Crivela (PRB), e o ex-prefeito do Rio de Janeiro e atual vereador, César Maia (DEM), também são citados.

Outra novidade do cenário político do Rio de Janeiro neste mês foi a saída do PSB do deputado federal Romário. Ele deve assinar sua filiação ao PR e concorrer a uma vaga ao senado em 2014. Texto: Maurício Medeiros / Foto Brasil 247

Um cometário

  1. Acho que depois desse ótimo governo do Cabral, o próximo governador terá que se esforçar muito pra fazer igual.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

3 + 5 =