Home / Notícias / Defesa consegue adiar decisão sobre júri popular para Kátia Vargas

Defesa consegue adiar decisão sobre júri popular para Kátia Vargas

Foi adiado para 22 de abril pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) a decisão de levar a júri popular ou não Kátia Vargas Leal, médica acusada de ser a responsável pelas mortes dos irmãos Emanuel Gomes e Emanuelle Gomes, ocorrida em outubro do ano passado, no bairro de Ondina, em Salvador. O pedido de postergar o julgamento, marcado para ocorrer na tarde desta quinta-feira (10), feito pelo advogado de defesa, Sérgio Habib, foi acatado pela desembargadora Joanice Maria Guimarães de Jesus. A oftalmologista é acusada pelo Ministério Público (MP) de homicídio qualificado por motivo torpe com emprego de meio cruel e que impediu a defesa das vítimas. Foto reprodução

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

nove + 1 =