Home / Esportes / Oficial de Justiça obriga Portuguesa abandonar gramado na estreia da série B

Oficial de Justiça obriga Portuguesa abandonar gramado na estreia da série B

Os jogadores da Portuguesa foram retirados de campo nesta sexta-feira (18) à noite aos 17 minutos do primeiro tempo do confronto com o Joinville, na primeira partida da série B, disputada no interior de Santa Catarina. O motivo foi o cumprimento de uma liminar conseguida pelo torcedor luso com Renato de Brito Azevedo na 3ª Vara Cível do Foro Regional da Penha, em São Paulo, que devolveu quatro pontos à equipe paulista e a recoloca na primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Um oficial de Justiça foi enviado à Arena Joinville para interromper a partida. O clube perdeu no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) a pontuação em dezembro do ano passado por ter escalado de forma irregular o meia Heverton. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) argumenta que apenas o presidente da entidade, José Maria Marim, pode receber a notificação judicial. Foto: Carlos Júnior (Folhapress)

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

quatro × 2 =