Home / Brasil / Ministro recua e mantém presos da Lava Jato na cadeia

Ministro recua e mantém presos da Lava Jato na cadeia

O doleiro Alberto Youssef e mais outros 10 presos na Operação Lava Jato da Polícia Federal permanecerão presos. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki, reconsiderou na manhã desta terça-feira (20) sua decisão e preferiu manter detidos os 11 acusados de lavarem R$ 10 bilhões. Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras, foi o único a deixar a cadeia, na tarde desta segunda-feira (19), em Curitiba. No último domingo (18) Zavascki decidira soltar todos os 12 envolvidos, mas questionado pelo juiz federal Sérgio Moro, que apontou a participação de dois detentos com o tráfico de drogas, preferiu recuar.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

quatro × 5 =