Home / Destaque / Estabilidade da barragem de Brumadinho estava no limite da segurança, aponta relatório

Estabilidade da barragem de Brumadinho estava no limite da segurança, aponta relatório

De acordo com o Estadão, em visita a campo, a equipe de vistoria encontrou 15 pontos que exigiriam atenção, como a necessidade de um novo radar e medidores de pressão na estrutura. O relatório foi concluído em agosto de 2018. A Vale alegou que fazia inspeções constantes, sendo a última em 22 de janeiro, três dias antes do colapso.

O documento foi apresentado pela defesa dos dois técnicos da empresa presos pela investigação no dia 29, o coordenador do projeto, Makoto Namba, e o consultor em geotécnica, André Jum. Embora tenham feito uma série de recomendações à Vale sobre a barragem, os técnicos atestaram a segurança.

Além de Namba e Jum, presos temporariamente desde a semana passada por suspeita de homicídio qualificado, crime ambiental e falsidade ideológica, outros três funcionários da Vale também foram detidos.

O último balanço aponta que o total de mortos na tragédia é de 134, enquanto 199 estão desaparecidos.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

treze − 2 =