Home / Destaque / Bloqueio de R$ 8,2 milhões ‘inviabiliza sustento da família’, diz Temer a juiz

Bloqueio de R$ 8,2 milhões ‘inviabiliza sustento da família’, diz Temer a juiz

O ex-presidente Michel Temer (MDB) afirmou ao juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio, que o bloqueio de R$ 8,2 milhões de suas contas no âmbito da Operação Lava Jato “inviabilizou o próprio sustento de sua família”.

De acordo com o Estadão, o magistrado tinha ordenado ao Banco Central (BC) um confisco total de R$ 62 milhões de contas e bens de Temer, que é alvo da Operação Descontaminação, um desdobramento da Lava Jato que põe o ex-presidente no papel de líder de organização criminosa para suposta arrecadação de propinas.

“A constrição integral dos bens e ativos de Michel Temer, à par de qualquer questionamento acerca de sua legalidade/ilegalidade, inviabilizou o próprio sustento de sua família, tornando-a, por conseguinte, insustentável de ser mantida na extensão em que foi decretada por Vossa Excelência”, afirmou a defesa de Temer a Bretas.

Foi feito um pedido para que se “module o alcance” do bloqueio. O ex-presidente apresentou à Justiça um detalhamento de seus gastos e afirmou que paga, em média, R$ 96.766,31 em despesas por mês.

Por: Metro 1

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*