Home / Destaque / Fachin nega soltar Lula em ação que questiona atuação de procuradores

Fachin nega soltar Lula em ação que questiona atuação de procuradores

Relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Edson Fachin, negou ontem (29) uma liminar para soltar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).Na ação, a defesa do petista questionou a atuação dos procuradores da República no Paraná nos processos contra Lula. Os advogados argumentaram que os procuradores não cumpriram os deveres da impessoalidade e da legalidade, o que provocaria a nulidade do processo.

No entanto, Fachin considerou que, ao analisar em junho se Lula deveria ser solto por conta da suspeição do ex-juiz Sérgio Moro, a Segunda Turma já havia negado conceder decisão para libertar o ex-presidente.

“Sendo assim, prima facie, sem prejuízo de ulterior reapreciação da matéria no julgamento final do presente habeas corpus, indefiro a liminar”, disse Fachin, de acordo com o G1.

Por: Metro1

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

11 + três =