Home / Destaque / Bolsonaro volta atrás e defende teto dos gastos

Bolsonaro volta atrás e defende teto dos gastos

Um dia depois de ter sinalizado apoio à revisão da emenda constitucional do teto dos gastos, o presidente Jair Bolsonaro voltou atrás e disse, hoje (5), que apoia a manutenção da norma. Em publicação nas redes sociais, o chefe do Executivo nacional parabenizou os ministros pelo apoio às medidas econômicas do titular da Economia, Paulo Guedes.

Ontem (4), o presidente havia indicado ser a favor de mudanças na regra que estabelece que as despesas da totais da União não podem crescer além da inflação, mesmo que a receita cresça. A norma foi aprovada pelo Congresso em 2016.

Mesmo com a fala de Bolsonaro, a equipe econômica manteve, ao longo do dia, o discurso de que não trabalha para alterar a norma constitucional. Em vez disso, a diretriz no Ministério da Economia é reformar as despesas obrigatórias.

Por: Metro1

 

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

13 + 10 =