Home / Destaque / OAB convida ex-ministro Bebianno para ser assessor especial

OAB convida ex-ministro Bebianno para ser assessor especial

Ex-ministro da Secretaria-Geral da presidência, Gustavo Bebianno foi convidado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para ser assessor especial da presidência da entidade. Com o convite, ele deve se dedicar às relações institucionais. A informação foi divulgada pela colunista Monica Begamo, do jornal Folha de S. Paulo.

“Está na hora de todos conversarmos como bons brasileiros, por amor à democracia e às liberdades fundamentais, independentemente das convicções políticas individuais de cada um. É conversando que se entende e que se constrói uma nação”, diz a OAB em convite.

Recentemente, ex-ministro afirmou que o então candidato à presidência da República Jair Bolsonaro chancelou em 2018 um acordo para repassar 30% do fundo eleitoral do PSL (cerca de R$ 2,7 milhões) para o diretório do partido em Pernambuco. O partido é investigado sob suspeita de ter desviado parte desses recursos por meio de candidaturas femininas de fachada. Bebianno foi presidente da legenda e coordenou a campanha de Bolsonaro para a presidência.

Em agosto deste ano, ao criticar a atuação da Ordem na investigação sobre o ataque a faca sofrido por ele em 2018, Bolsonaro disse que poderia explicar a Felipe Santa Cruz, presidente da entidade, como o pai dele desapareceu no período da ditadura. O presidente chegou a declarar que Fernando Santa Cruz, opositor do regime militar, foi morto por um grupo de esquerda, o que não é verdade. Documentos oficiais apontam que Fernando foi vítima do Estado brasileiro.

Por: Metro1

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

3 × um =