Home / Destaque / “Apuração será rigorosa”, diz secretário sobre furto de alimentos em Cruz das Almas

“Apuração será rigorosa”, diz secretário sobre furto de alimentos em Cruz das Almas

O secretário de educação de Cruz das Almas (a 154 km de Salvador), Mário Araújo, afirmou que abriu um processo administrativo para apurar o desvio de alimentos destinados a merenda escolar por um servidor. O suspeito, identificado como Lucas Souza, está lotado na secretaria.

A denúncia de desvio do recurso público é da vereadora Maria Cedraz (MDB-BA). De acordo com a ocorrência registrada na delegacia local, o servidor foi flagrado, na tarde da quinta-feira, 3, retirando produtos destinados à merenda escolar do porta-malas de um carro particular e comercializando em um estabelecimento na localidade da Embira, na zona rural.

Alguns produtos chegaram a ser devolvidos, como caixas de óleo de cozinha e segundo a vereadora, ele admitiu que tinha acesso às mercadorias desde junho deste ano, com preço bem mais baixo do que é praticado no mercado.

Acompanhado pelo procurador geral do município, Vagner Santana, o secretário também registrou boletim de ocorrência na delegacia da cidade e afirmou que a apuração da denúncia será rigorosa.

“A apuração será rigorosa. Roubar alimentos da educação é um grave crime”, afirmou. “Abrimos um processo administrativo e demos queixa na polícia. Queremos o fato esclarecido. Não haverá impunidade,” disse, em nota, o secretário Mário Araújo.

Caso o crime seja comprovado, o servidor Lucas Souza, pode ser demitido por justa causa, além de indiciado por peculato, que consiste na subtração ou desvio de produtos ou dinheiro por funcionário público. Segundo a Prefeitura, os receptores, que são ligados a família de políticos da cidade, também devem ser investigados, assim como, o motivo de não ter acontecido o flagrante delito.

Por: A Tarde

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

quinze + catorze =