Home / Destaque / Defensoria da União entra com ação contra Magalu por ‘marketing de lacração’ em trainee para negros

Defensoria da União entra com ação contra Magalu por ‘marketing de lacração’ em trainee para negros

A Defensoria Pública da União (DPU) entrou com uma Ação Civil Pública na Justiça do Trabalho contra o programa de trainees exclusivo para negros da Magazine Luíza, o que chamou de “marketing de lacração”.

A ação afirma que o trainee exclusivo para negros é “certamente uma estratégia de marketing empresarial”, e
cobra da rede varejista R$ 10 milhões de indenização por danos morais coletivos pelo que alega ser “violação de direitos de milhões de trabalhadores (discriminação por motivos de raça ou cor, inviabilizando o acesso ao mercado de trabalho)”.

O defensor da petição, Jovino Bento Júnior, afirma que embora a inclusão social de negros e qualquer outro grupo seja desejável, o programa em questão “não é medida necessária – pois existem outras e estão disponíveis para se atingir o mesmo objetivo”.

Por: Metro1

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

2 × quatro =