Home / Destaque / PGR apura se Damares participou da tentativa de impedir aborto em criança, vítima de estupro no ES

PGR apura se Damares participou da tentativa de impedir aborto em criança, vítima de estupro no ES

A Procuradoria-Geral da República (PGR) abriu uma apuração preliminar para investigar se a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, participou do suposto movimento para impedir a realização de um aborto em uma menina de 10 anos, vítima de estupro.

O crime aconteceu no Espírito Santo e a interrupção da gravidez foi realizada, com aval da Justiça, em um hospital de Recife em agosto. O tio da menina, principal suspeito de ter cometido o crime, foi preso.

Segundo a TV Globo, Aras enviou um documento ao Supremo Tribunal Federal (STF) informando que, se essa apuração encontrar indícios suficientes, a PGR pedirá a abertura de um inquérito formal contra Damares.

Em nota, o ministério afirmou que “enxerga a situação com total tranquilidade. Esclarecemos, ainda, que a própria ministra Damares Alves solicitou investigação do caso à PF”.

Por: Metro1

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

nove − 7 =