BrasilDestaqueNotíciasPolícia

Polícia encontra corpos de suspeitos de matar médicos no Rio de Janeiro

A Polícia Civil encontrou os corpos de traficantes que são suspeitos de executar três médicos no Rio de Janeiro. Os corpos estavam dentro de dois carros, localizados na noite desta quinta-feira (5) na Zona Oeste do Rio. As informações são do G1.

Ao todo, quatro corpos foram localizados pela Delegacia de Homicídios, com o apoio da inteligência da polícia: três estavam dentro de um carro na Rua Abrahão Jabour, nas proximidades do Riocentro; e outro no segundo veículo, na Avenida Tenente-Coronel Muniz de Aragão, na Gardênia Azul.

A polícia identificou os corpos de Philip Motta Pereira, o Lesk e o de Ryan Nunes de Almeida, o Ryan, que integrava o grupo liderado por Lesk, chamado de “Equipe Sombra”. Os outros dois corpos que foram encontrados ainda serão identificados.

A investigação já apurou que dois suspeitos de envolvimento no ataque — Bruno Pinto Matias, o Preto Fosco, e Juan Breno Malta Ramos Rodrigues, o BMW — não estão entre os mortos.

O CRIME

O ataque aconteceu em um quiosque na Praia da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, na madrugada de quinta-feira (5). Na ação, quatro médicos ortopedistas foram baleados, três morreram e um sobreviveu.

Entre os médicos mortos está o ipiauense Perseu Ribeiro Almeida, de 33 anos. De acordo com o G1, Perseu completou 33 anos nesta quarta-feira (4). Outra vítima Diego Ralf Bomfim é irmão da deputada Sâmia Bomfim (Psol-SP). No ataque também morreu Marcos de Andrade Corsato. Daniel Sonnewend Proença foi o único sobrevivente.

Por Bahia Notícias 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo